Dois é melhor que um

The Quirky

Se pensarmos num fotógrafo ou videógrafo, é muito provável que seja uma única pessoa que trabalha sozinha, apesar de ter liberdade criativa. Para Beatrice de Guigne e Jeremie Pennequin, a ideia de trabalhar de acordo com um conjunto de convenções é oposta à criatividade e à liberdade de que precisam para produzir as suas imagens.

Assim, Beatrice, a fotógrafa, e Jeremie, o videógrafo, trabalham em conjunto e compõem a entidade criativa conhecida como The Quirky.

“O que nos torna diferentes? Não sei”, afirma Beatrice. “Talvez sermos um casal, o que é invulgar. Tal como diz o nosso nome, somos excêntricos, daí utilizarmos a palavra “quirky”. A maioria dos fotógrafos utiliza o próprio nome e nós não queremos trabalhar assim, porque também não somos assim no nosso quotidiano.” 

the quirky, sony alpha 9, casal recém-casado a sorrir enquanto os convidados atiram confetes

© The Quirky | Sony α9 | FE 35mm f/1.4 ZA | 1/320s @ f/2.0, ISO 250

Jeremie concorda: “Adoramos trabalhar com pessoas como nós, que não gostam de convenções nem de dar ouvidos aos pais. É por isso que fotografamos casais que fogem em segredo: noivos que saem e se casam. Adoramos esses casais.” 

O casal The Quirky começou a trabalhar em conjunto há 4 anos. Na altura já eram um casal, Beatrice era fotógrafa há cerca de 10 anos e Jeremie abandonou a sua carreira de arquiteto de interiores para viver o sonho de ser videógrafo. 

the quirky, sony alpha 9, casal recém-casado a dançar

© The Quirky | Sony α9 | FE 35mm f/1.4 ZA | 1/250s @ f/1.6, ISO 2500

Trabalham com várias câmaras e lentes da Sony. Jeremie utiliza duas câmaras Sony α7S II e também uma α7 III.

“Comecei com a α7S II pelas suas capacidades de captação com pouca luz e estabilização incorporada, o que me permite fotografar a ISO 100 000”, explica. “Normalmente, tenho utilizado a α7 III como câmara principal e α7S II para as cerimónias na igreja e para a festa à noite, quando preciso de fotografar com pouca luz.”

the quirky, sony alpha 9, silhueta de uma noiva sentada num barco com o oceano atrás

© The Quirky | Sony α9 | FE 35mm f/1.4 ZA | 1/32000s @ f/2.0, ISO 250

Beatrice trabalha com duas câmaras Sony α9 depois de recentemente ter mudado de uma DSLR de nível profissional.

Apesar de no início ter estranhado o visor eletrónico, Beatrice agora encara-o como uma das muitas vantagens da α9, assim como várias outras funcionalidades. “Adoro a Sony α9 especialmente por estes quatro motivos: o visor eletrónico sem obscurecimento, o obturador silencioso, o fantástico autofocus e o facto de poder ver a exposição através do visor eletrónico.”

Beatrice explica que “a combinação de todas estas funcionalidades permite garantir que teremos mais imagens utilizáveis. Posso elevar a sensibilidade e saber que as imagens captadas com sensibilidade elevada continuarão a ser ótimas.”

the quirky, sony alpha 9, casal recém-casado a sorrir com o pôr do sol atrás

© The Quirky | Sony α9 | FE 35mm f/1.4 ZA | 1/1250s @ f/1.8, ISO 250

Com um estilo único e uma perspetiva singular na abordagem aos casamentos, este casal rapidamente se tornou conhecido pela fotografia e pelo vídeo de casamentos na sua localidade de Bordéus, no sudoeste de França. No entanto, os seus principais clientes não são locais: a maioria dos casais fotografados são britânicos, americanos e australianos que viajam até à região para se casarem.

the quirky, sony alpha 9, silhueta de pessoas num barco com as montanhas visíveis ao longe

© The Quirky | Sony α9 | FE 35mm f/1.4 ZA | 1/12800s @ f/2.0, ISO 250

“90% dos nossos clientes não são franceses. Em França, somos péssimos a discursar em casamentos”, brinca Jeremie. “Prefiro discursos em inglês durante o jantar. Os americanos e os ingleses são muito melhores a exprimirem os seus sentimentos.”

the quirky, sony alpha 9, casal a descer uma encosta de mãos dadas e a sorrir

© The Quirky | Sony α9 | FE 35mm f/1.4 ZA | 1/800s @ f/1.8, ISO 320

Graças às redes sociais, o casal The Quirky tem agora a oportunidade de viajar pelo mundo. “Este ano fotografámos em Marrocos, nos EUA, na Austrália, em Itália, na Islândia e em Espanha: 15 dos casamentos que fotografámos ocorreram no estrangeiro. Graças ao Facebook e ao Instagram, estivemos no Havai há 10 dias!”

Relativamente às lentes que utilizaram nestes locais, ambos utilizaram lentes com a distância focal de 35 mm, que ajudam a unir as fotografias e o vídeo num projeto final uniforme.

the quirky, sony alpha 9, beijo de recém-casados após a cerimónia

© The Quirky | Sony α9 | FE 35mm f/1.4 ZA | 1/1000s @ f/1.4, ISO 200

Jeremie utiliza a lente Loxia 35mm f/2 da Zeiss, um parceiro da Sony, e Beatrice utiliza a lente Sony Zeiss Distagon 35mm f/1.4 T*. Depois de compor a cena com a distância focal de 35 mm, Beatrice pode mudar para a sua lente Sony 85mm f/1.4 GM de confiança para captar retratos espontâneos dos noivos e de alguns dos convidados.

Resumindo, o casal The Quirky dedica-se a captar um dia especial com um estilo que reflete a personalidade dos noivos.

the quirky, sony alpha 9, casal a atravessar a areia de mota

© The Quirky | Sony α9 | FE 35mm f/1.4 ZA | 1/800s @ f/1.4, ISO 200

Beatrice resume muito bem: “Esperamos que a nossa fotografia seja diferente e tentamos fazer tudo de forma diferente. Os casamentos não vão ter todo a mesma imagem. Todos os casais são diferentes. Tentamos ser sempre mais criativos, mesmo após tantos anos.”

Produtos referidos neste artigo

ILCE-9

Câmara sem espelho full-frame α9 com sensor CMOS empilhado

ILCE-9

ILCE-7SM2

Câmara α7S II de montagem tipo E com sensor full-frame

ILCE-7SM2

SEL35F14Z

Distagon T* FE 35 mm F1.4 ZA

SEL35F14Z

The Quirky
Alpha Universe

The Quirky

França

Espírito rock'n'roll pela estrada fora.

Ver perfil


x