Focagem da imagem

Tomasz Tomaszewski | Visão

Todos os dias, e se o clima o permitir, pessoas indígenas reúnem-se em Zócalo, a enorme praça central da Cidade do México. De manhã cedo, transformam-se vestindo roupas tradicionais, usando maquilhagem dos seus antepassados, dançando e fazendo rituais. Queimam raízes medicinais e limpam as almas dos turistas. No entanto, não é uma atuação falsa para entreter os transeuntes e obter alguns pesos; as pessoas que tratam e entretêm são mexicanos. E, para quem realiza esta atuação, é uma forma de vida importante, que mantém vivas as tradições e rituais, e salvaguarda o legado.

Neste caso, para mim, era importante documentar as fabulosas roupas com penas e a complexidade da maquilhagem deste homem, mas queria mais do que isso. Queria uma imagem com um olhar que comunicasse algo especial e fizesse com que o espetador parasse, pensasse ou quisesse saber mais.

Para a obter, precisava de acabar com todos os obstáculos entre nós, pelo que falámos e conhecemo-nos um pouco mais para além de turista e objeto. Quando tirei a fotografia, adorei o olhar que me deu. Uma imagem em que há algo de secreto ou algo de perigoso.

Retrato de um homem com vestuário tribal de Tomasz Tomaszewski © Tomasz Tomaszewski | Sony α1 + FE 24-70mm f/2.8 GM | 1/125s @ f/8.0, ISO 1600

Para obter o máximo de cor numa fotografia como esta, precisamos de luz. O homem estava encostado numa entrada sem sol, pelo que utilizei uma pequena luz LED, juntamente com a Sony Alpha 1 e as lentes 24-70mm f/2.8 GM. Ajudaram-me a realçar todas as matizes e tonalidades delicadas das penas, assim como a destacar o rosto.

A exposição utilizada foi de 1/125 segundos a f/8 e ISO 1600. Normalmente, capturo com uma maior abertura, mas aqui quis obter a profundidade de campo adicional de f/8, para que a imagem mostrasse todos os detalhes e a textura delicada das vestimentas. Com a estabilização de imagem Steady-Shot Inside da Alpha 1, sabia que a opção de 1/125 segundos manteria a imagem bela e nítida, mas também fiquei satisfeito por deixar o ISO automático alcançar 1600. Com a Alpha 1, sei que até consigo utilizar 6400 sem sequer pensar no ruído. É mesmo deslumbrante. Claro que a focagem automática (AF) com deteção de olhos bloqueou imediatamente.

Quando trabalhamos com uma câmara como esta, em que podemos confiar para realizar um ótimo trabalho, ficamos com liberdade para sermos mais criativos. Confio totalmente nela e não preciso de gastar tempo a testar definições ou até a ver as imagens no ecrã para verificar se estão focadas ou têm boa exposição. Simplesmente, sei que estão bem. Uma vez que posso focar um momento em vez de fazer testes com a câmara, torna-se numa espécie de extensão dos meus olhos. É por este motivo que a Alpha 1 é realmente uma câmara completa.

Produtos incluídos

Tomasz Tomaszewski

Tomasz Tomaszewski | Poland

"O importante para mim na fotografia não é o que uma imagem mostra e apresenta, mas sim que tipo de questões levanta"

Histórias relacionadas

Inscreva-se para receber a sua newsletter α Universe

Parabéns! Subscreveu a newsletter α Universe com êxito

Introduza um endereço de e-mail válido

Lamentamos! Ocorreu um erro

Parabéns! Efetuou a subscrição com êxito