carro numa estrada deserta

Melhoria contínua

Bertrand Bernager

O Race Across America é um duro evento de ciclismo de resistência que testa os participantes, levando-os ao limite. Embora a pista possa variar, consiste sempre num percurso que se estende da ponta oeste à ponta este do continente, tendo início na costa do Pacífico, na Califórnia, e terminando na costa do Atlântico, no Maryland. Contudo, não é só a extensão da corrida que é exigente. Ao contrário de muitos outros eventos semelhantes, não existem fases, apenas um formato contrarrelógio brutal e implacável.

ciclista solitário numa estrada aberta

© Bertrand Bernager | Sony α1 + FE 70-200mm f/2.8 GM OSS II | 1/1600s @ f/5.6, ISO 200

Não são muitos os que conseguem imaginar competir, mas o que dizer sobre fotografar o evento enquanto este dá voltas e reviravoltas desde o sufocante nível do mar às florestas temperadas e aos passos de montanhas gelados de 10 mil pés?  Bertrand Beranger, que captou alguns dos momentos cruciais da corrida com o participante Jean-Luc Perez, fez isso mesmo.

"Felizmente, gosto de fotografar fora da minha zona de conforto", ri Bertrand, "e embora a fotografia de desporto que faço seja muito diferente da minha fotografia arquitetónica e de rua, existem paralelos." Afinal de contas, o desporto foca-se no aperfeiçoamento, mas o mesmo acontece com a fotografia, e as mentes criativas beneficiam sempre de mais experiências para aprender novas aptidões.

Deste modo, eventos como o Race Across America, que têm lugar em muitos dias e ambientes, são o lugar perfeito para colocar em prática uma variedade de técnicas. "É certamente uma situação onde a fotografia de desporto, documental e de paisagem se podem misturar. Foi importante para mim fotografar o que senti ser a história completa do evento, dando-lhe mais contexto do que uma abordagem puramente desportiva iria permitir."

ciclista numa estrada no deserto

© Bertrand Bernager | Sony α1 + FE 16-35mm f/2.8 GM | 1/2500s @ f/5.6, ISO 200

"Na verdade, embora não achasse aborrecido se estivesse a fotografar apenas a bicicleta, é o contexto adicional que me entusiasma realmente, a visão geral. Isso poderia significar enquadrar Jean-Luc em alguns destes ambientes deslumbrantes e certificar-me de que fotografava com uma profundidade de campo mais acentuada do que a que se encontra em fotografias de desporto, de forma a mostrar a paisagem, ou aproximar-me ainda mais e ver o efeito no seu corpo e mente."

homem sentado a levar uma toalha ao rosto

© Bertrand Bernager | Sony α1 + FE 16-35mm f/2.8 GM | 1/1600s @ f/2.8, ISO 400

homem sentado banhado numa luz vermelha

© Bertrand Bernager | Sony α1 + FE 24mm f/1.4 GM | 1/60s @ f/1.4, ISO 1000

Esta abordagem semelhante a um registo de viagem é claramente visível nas imagens que Bertrand captou de Jean-Luc, nos seus momentos breves de descanso e recuperação. "Estas imagens são sinceras e têm significado. Ele está a fazer coisas heroicas na estrada e momentos como este são a realidade. Para compreender tudo, não podemos apenas olhar para as lindas imagens de teleobjetiva de Jean-Luc na bicicleta com um plano de fundo desfocado. Temos de ver o que vem depois, as lágrimas e os gritos, o stress face à perseguição incessante."

homem a dormir ao lado de uma carrinha à noite

© Bertrand Bernager | Sony α1 + FE 24mm f/1.4 GM | 1/15s @ f/1.4, ISO 1600

Tirada com a sua Sony Alpha 1 e FE 24mm f/1,4, "imagens como esta são o motivo pelo qual adoro utilizar lentes grande angular para fotografia documental e de desporto. Na maior partes dos casos, quanto mais perto, maior a emoção e o contexto que podemos sentir", explica Bertrand. "Com a sua focagem automática (AF) com deteção de olhos, a Alpha 1 faz um ótimo trabalho em situações como esta e, combinada com o seu alto desempenho ISO e com as lentes, consigo praticamente fotografar no escuro. Adaptável e rápida, tal como é necessário na estrada, a FE 16-35mm f/2,8 também é muitíssimo importante para mim."

ciclista a andar de bicicleta em frente a um carro ao anoitecer

© Bertrand Bernager | Sony α1 + FE 70-200mm f/2.8 GM OSS II | 1/400s @ f/4.0, ISO 200

Ao utilizar lentes mais compridas, como a FE 70-200mm f/2.8, Bertrand continua a gostar de mostrar a realidade das corridas através de imagens, apresentando todo o contexto da corrida de resistência. "Isto é uma competição de estrada aberta, e as autoestradas não são fechadas só para as corridas. Existe o perigo dos camiões, da poluição e das estradas que não foram feitas para ciclistas. Queria juntar tudo isso numa cena de paisagem, o que significou passar à frente no carro da comunicação social e esperar quase até ao último minuto para sair para a rua e tirar uma fotografia da estrada."

"Se alguma vez foi criada uma câmara para um projeto destes, é a Sony Alpha 1", afirma Bertrand. "Em situações em que, antes, teria sido necessário utilizar tanto uma Alpha 9 como uma Alpha 7R IV para misturar a fotografia de desporto, documental e de paisagem, esta câmara faz tudo isso. E tem uma estrutura tão pequena e leve para o poder que fornece."

"Essas funcionalidades poderosas incluem o sensor empilhado, o obturador silencioso e a frequência de fotogramas da Alpha 1, sendo que todas são importantes para misturar técnicas, como faço. Preciso da alta frequência de fotogramas sem interrupção para quando só tenho alguns minutos para fotografar antes de prosseguir. Quanto mais fotogramas e quanto maior a resolução, melhor."

ciclista a andar de bicicleta à frente de um carro

© Bertrand Bernager | Sony α1 + FE 70-200mm f/2.8 GM OSS II | 1/250s @ f/5.6, ISO 200

"Ao olhar para trás, este é capaz de ser um dos projetos onde mais aprendi, tanto a nível pessoal como profissional", conclui Bertrand. "É claro que não é nada comparado com o que atletas como Jean-Luc passam, mas, como fotógrafo, este é um ambiente incrivelmente exigente. Estamos sempre apressados, mal dormimos e, no entanto, continuamos a tentar ser precisos e criativos. Acho que sem uma ferramenta como a Sony Alpha 1, isso seria praticamente impossível."

"Mas, acima de tudo, acho que é imensamente inspirador fotografar este homem que está a fazer coisas de super-herói. Mudou a minha visão da capacidade humana, e acho que, se tiver a energia e o empenho para fazer algo semelhante, posso motivar-me a ser melhor."

Produtos incluídos

Bertrand Bernager

Bertrand Bernager | France

“Através da fotografia, tento acompanhar a luz, sublimar o movimento e captar o momento”

Histórias relacionadas

Inscreva-se para receber a sua newsletter α Universe

Parabéns! Subscreveu a newsletter α Universe com êxito

Introduza um endereço de e-mail válido

Lamentamos! Ocorreu um erro

Parabéns! Efetuou a subscrição com êxito