Sugestões de fotografia > Fotografar um espetáculo de fogo de artifício

    Nível: Principiante

    LIÇÃO 15Fotografar um espetáculo de fogo de artifício

    Distância focal: 28 mm (equivalente a 35 mm), f-stop: 14, Velocidade do obturador: 23 segundos.

    O verão é a época do fogo de artifício. Com uma câmara, é possível captar fascinantes imagens de iluminação do céu à noite para instantes fugazes e brilhantes. Está preparado para fotografar alguns fogos de artifício este verão?

    Preparar a captação de imagens de fogos de artifício

    Para captar imagens deslumbrantes de fogos de artifício a rebentarem no céu, será necessário fixar a câmara num tripé, uma vez que o obturador deve ser mantido aberto durante longos períodos de tempo. Também deverá querer ter um telecomando* para abrir o obturador no momento certo. Não só é importante ter o equipamento certo quando estiver a fotografar fogo de artifício, como também tem de escolher o local adequado para fotografar. Procure situar-se na principal área de visualização para ouvir os anúncios e ficar perto da ação que pretende fotografar, para além de desfrutar de toda a atmosfera de uma largada de fogos de artifício. Quando estiver a fotografar nessa área, tenha cuidado para não obstruir a visão das outras pessoas à sua volta. Se o seu tripé for demasiado alto, mantenha-o com as pernas encolhidas, para evitar obstruir a visão das pessoas atrás de si e evitar a desfocagem devido às vibrações e ao vento. Verifique com antecedência se o uso de tripés é permitido.

    • * O tipo de telecomando que pode ser utilizado varia de acordo com o modelo da câmara que se está a utilizar. Consulte aqui.

    No dia do evento, visite o local e configure o equipamento enquanto ainda há luz. Também é importante assegurar-se de que não há semáforos nem linhas elétricas que possam obstruir a sua visão durante a captação de imagens.
    A objetiva a utilizar pode variar, consoante a distância até à área de largada e o tipo de imagem que pretende captar, mas recomenda-se a utilização da lente de zoom standard existente no seu kit de lentes. Com esta objetiva, poderá tirar fotografias de grande angular mais abrangentes com uma distância focal curta (1) e fotografias mais detalhadas com teleobjetiva com uma distância focal comprida (2).

    (1) Distância focal: 20 mm. (2) Distância focal: 70 mm.

    Imagem tirada à distância com definição de teleobjetiva.

    Configurar as definições da câmara

    Após o equipamento estar instalado, configure as definições da câmara.

    Defina o modo de captação da câmara para o modo M e defina a sensibilidade, a abertura e a velocidade do obturador.

    1.Sensibilidade

    Os fogos de artifício são muito luminosos, pelo que deve fotografar com a sensibilidade fixa em ISO 100. Pode ajustar para o brilho dos fogos de artifício com a abertura.

    2.Abertura (f-stop)

    Embora o f-stop mais adequado varie de acordo com o tipo de fogo de artifício, pode captar muitos tipos de fogos de artifício com exposição apropriada com um f-stop de f13. Se achar que o rasto de fogos de artifício que captou ficou demasiado escuro ou demasiado claro, pode utilizar um f-stop entre f10 e f18 como padrão.
    Embora seja melhor ajustar o f-stop de acordo com o tipo de fogo de artifício, recomendamos que fixe o f-stop e que concentre os seus esforços na velocidade do obturador até ter mais prática.

    3.Velocidade do obturador

    A chave para captar imagens impressionantes de fogos de artifício é saber quanto tempo se deve manter o obturador aberto. Para a velocidade do obturador, selecione [BULB] a fim de poder ajustar manualmente o tempo que o obturador permanece aberto.
    Quando ouvir o fogo de artifício a ser lançado, abra o obturador e mantenha-o aberto até o fogo de artifício explodido desaparecer. Estará apto a captar uma bonita imagem de um rasto de fogo de artifício, como mostrado em (1). Se a velocidade do obturador for muito rápida, os fogos de artifício serão apresentados como pontos, como indicado em (2).
    Além disso, como a câmara deve ser configurada para libertar o obturador com o telecomando, é imperativo verificar antecipadamente o método de definição, que varia de acordo com o modelo da câmara. Consulte o Manual do Utilizador ou o Manual da câmara para obter mais informações.
    Ainda assim, pode utilizar [BULB] para libertar o obturador sem a utilização de um telecomando, mas tenha cuidado, porque a vibração decorrente da pressão no botão do obturador pode causar movimento da câmara e desfocar a imagem.
    Em qualquer caso, não se esqueça de desativar as funções Long Exposure NR e SteadyShot.

    (1) Velocidade do obturador: 4 segundos. (2) Velocidade do obturador: 1/100 segundos.

    Manter o obturador aberto durante todo o tempo de uma série contínua de fogo de artifício permite-lhe criar uma magnífica imagem. As luzes de diversos fogos de artifícios podem sobrepor-se nas mesmas posições e criar uma imagem que contenha áreas brancas com mais exposição.

    Várias sequências de fogos de artifício sobrepostas.

    Agora está pronto a fotografar

    Agora que o seu equipamento está pronto e as definições da câmara estão configuradas, está pronto a fotografar.
    Em primeiro lugar, ajuste a focagem da câmara no fogo de artifício. Utilize a focagem manual (MF) para ajustar a focagem no fogo de artifício real. Uma vez que é difícil ajustar a focagem apenas com a primeira sequência de fogo de artifício, utilize os primeiros lançamentos para ajustar a focagem e, em seguida, prepare-se para as fases intermédia e final. Para uma focagem mais pormenorizada, as funções MF Assist e ampliador de focagem são úteis.
    Se não estiver habituado a utilizar a MF, pode deixar que a focagem automática (AF) se foque no fogo de artifício e, em seguida, volte rapidamente à MF. Em qualquer caso, pode ampliar as imagens captadas no ecrã de reprodução para verificar se o objeto está focado.
    Depois de ter focado o fogo de artifício, pode continuar a disparar com a mesma posição de focagem, que pode mudar se alterar a composição ou aumentar ou diminuir o zoom. Nestes casos, recomendamos que verifique a focagem das imagens captadas.

    Amplie parte do fogo de artifício no ecrã de reprodução.

    O equilíbrio de brancos é importante para fotografar imagens de fogos de artifício com as cores brilhantes tal como as vê. Apesar de poder captar belas cores apenas com [AWB] (equilíbrio de brancos automático), para obter cores mais realistas, experimente selecionar [Incandescente] para captar fogo de artifício com cores intermédias, tais como ciano, cor de rosa e amarelo limão, e utilize [Luz do dia] para captar fogo de artifício com muito cor de laranja.
    Para obter imagens mais coloridas, utilize o Estilo criativo e ajuste a saturação para um valor superior a fim de criar fotografias mais vívidas.

    Equilíbrio de brancos [AWB].

    Equilíbrio de brancos [Incandescente].

    Maior saturação.

    Se as imagens aparecerem esbranquiçadas ou com cores monótonas apesar do ajustamento do equilíbrio de brancos e da saturação, a imagem pode ter ficado demasiado exposta. Se isso acontecer, reduza a abertura um pouco e dispare novamente.

    Se estiver confortável com a fotografia, tente ajustar a composição para se adaptar ao fogo de artifício.
    Embora a melhor composição dependa da objetiva que for utilizada, do local e da imagem que está a tentar criar, para captar sequências únicas de fogos de artifício, utilize uma composição vertical, e para captar sequências grandes de fogos de artifício, tais como as que normalmente ocorrem durante o grande final, utilize uma composição horizontal para encher a imagem com fogos de artifício. Pode também fotografar com uma posição horizontal quando captar sequências únicas juntamente com o cenário de fundo.

    Fotografia vertical.

    Fotografia horizontal de sequências grandes de fogos de artifício.

    Utilizar um telecomando

    Fotografar fogos de artifício no modo [BULB] requer a utilização de um telecomando. Ao utilizar um telecomando no modo [BULB], pode personalizar o rasto dos fogos de artifício e o número de sequências numa só imagem. Uma vez que pode libertar o obturador quando desejar sem olhar para a câmara, fica livre dessa tarefa e pode desfrutar do fogo de artifício.
    Além disso, utilizar o telecomando reduz as imagens desfocadas causadas pelo movimento da câmara quando o obturador é libertado e permite exposições mais longas superiores a 30 segundos, o que é útil quando se utiliza um tripé na fotografia noturna e do céu à noite.

    • * Os telecomandos disponíveis variam de acordo com o modelo da câmara. Verifique a compatibilidade do telecomando (RMT-P1BT, RM-VPR1) antes de o comprar.

    Velocidade do obturador: 37 segundos.

    Telecomando com vários terminais. Permite o funcionamento remoto do zoom e do bloqueio do obturador (lâmpada), e está equipado com um cabo para captar imagens fixas e filmes.