A primeira TV do mundo com inteligência cognitiva - uma nova dimensão de imagem e som

 Para uma imagem e som que quase pode sentir –  Cognitive Processor XR 

Com o Cognitive Processor XR™, as TVs BRAVIA analisam o conteúdo e recriam-no da mesma forma que os humanos veem e ouvem no mundo real. Por exemplo, compreendem onde os humanos tendem a focar-se numa imagem, como a personagem principal de um filme. Também sabem que o som deve vir por cima de si quando se trata de um avião e recriam esse som na sala. O resultado é o seu conteúdo favorito recriado de uma forma tão real que quase consegue senti-lo.

Como o Cognitive Processor XR funciona

A IA normal apenas deteta e analisa elementos da imagem, como cor, contraste e nitidez, individualmente. Isto significa que o elemento da imagem é otimizado apenas a um certo nível. Porém, a forma como percebemos o mundo baseia-se nas informações transmitidas pelos olhos e ouvidos ao cérebro. Da mesma forma, o Cognitive Processor XR™ faz a análise cruzada de milhares de elementos em simultâneo. Um destes elementos é o ponto de focagem, que pode detetar onde os humanos tendem a focar-se mais. Ao fazer a análise cruzada de cada elemento de imagem, incluindo o ponto de focagem, gera informação de profundidade e ajusta cada parte para conferir mais profundidade e realismo à imagem.

(1) Original (2) Cor (3) Nitidez (4) Ponto de focagem (5) Contraste (6) Profundidade (7) Movimento (8) Análise cruzada

O que é o ponto de focagem?

O ponto de focagem é o local onde tende a focar-se numa imagem e para onde os olhos são naturalmente atraídos numa cena. As TVs com o Cognitive Processor XR reconhecem esse ponto de focagem e otimizam essa parte da imagem, tal como os nossos olhos fazem no mundo real. Portanto, há uma maior profundidade com a bola de futebol ou a personagem principal e os placares de jogos tornam-se mais fáceis de ver.

Duas imagens de ecrã, a da esquerda mostra girassóis num campo com céu parcialmente nublado, a da direita mostra como a inteligência cognitiva analisa e gera o mapa de profundidade desta cena para aumentar a profundidade e a textura
O que é o mapeamento de profundidade?

As TVs BRAVIA XR utilizam tecnologia cognitiva humana para melhorar a profundidade e a textura para experiências envolventes ímpares em casa. Com base na análise cruzada, a inteligência cognitiva analisa e gera o mapa. A profundidade do primeiro plano é melhorada e o fundo ajustado para tornar a imagem mais real e natural.

Veja como o ponto de focagem funciona no Cognitive Processor XR 
Ambiente sonoro imersivo e mais realista, como no mundo real
TV que mostra mulher a cantar com ondas de som que saem de microfone no ecrã
Posição de som que o mergulha na ação

Com processamento de som avançado que imita o ouvido humano ao identificar de onde vem o som e ao colocá-lo no sítio certo no ecrã, as TVs BRAVIA XR posicionam-no no centro da cena.

Mulher vê televisão num sofá em sala de estar enquanto ondas sonoras saem das colunas virtuais de cima, por trás e à frente
Uma experiência de som virtual com dimensões extra 

Ao emitir som na direção horizontal e vertical, as TVs BRAVIA XR proporcionam uma experiência multidimensional real. Analisam e convertem o áudio para som surround de 5.1.2 canais, que cria uma verdadeira paisagem sonora 3D.