Espetáculo de variedades

Terry Donnelly

Muitos profissionais começam a trabalhar como generalistas, a fotografar todos os tipos de objetos, e a maioria acaba por se especializar num único género. Mas nem sempre é assim. Vejamos o exemplo de Terry Donnelly, um utilizador da Sony Alpha que trabalha com géneros tão variados como arquitetura, desporto, fotografia comercial ou de vida selvagem. Apesar de ser um especialista em vários tipos de fotografia, conseguiu destacar-se em vários géneros, o que lhe trouxe muitos clientes e lhe garantiu vários prémios ao longo da sua carreira. Esta é uma história de sucesso que se baseia num aspeto simples, mas fundamental: a sua paixão por criar imagens extraordinárias.

terry donnelly, sony alpha 9, retrato em grande angular de mulher vestida de noiva junto a um estábulo

© Terry Donnelly | Sony α9 | FE 12-24mm f/4 G | 1/40s @ f/4.0, ISO 1000

“Sempre tive muitos interesses ao nível da fotografia e isso sempre me acompanhou no meu desenvolvimento profissional. Nunca quis abdicar de nada e, embora isso seja algo que não resulta para alguns, para mim significou adquirir várias competências através de vários trabalhos, o que me permitiu alternar facilmente entre vários géneros. Por isso, se estiver a trabalhar para uma agência de notícias, sou capaz de produzir o tipo de imagens pretendido e, se a tarefa for fotografar o interior de um hotel, consigo facilmente alternar para esse estilo.”

terry donnelly, sony alpha 9, jogador de rugby a correr a alta velocidade com a bola

© Terry Donnelly | Sony α9 | FE 400mm f/2.8 GM OSS | 1/3200s @ f/2.8, ISO 200

Além da diversidade dos objetos com que trabalha, o trabalho de Terry também se define por uma estética comum, por isso, “apesar de fotografar assuntos muito diferentes e utilizar várias competências”, explica, “o objetivo fundamental é sempre o mesmo, criar algo com mérito artístico.”

Para Terry, o aspeto mais importante para alcançar esse objetivo é a composição. “Qualquer que seja o objeto”, afirma, “o que pretendo oferecer é um ponto de vista diferente, algo que impressione. Para tal, posso ter de fotografar de uma altura ou de um ângulo invulgar ou utilizar uma lente teleobjetiva. Depois, certifico-me de que componho o enquadramento com os elementos necessários para criar impacto.”

terry donnelly, sony alpha 9, retrato de mulher encostada ao teclado de um piano

© Terry Donnelly | Sony α9 | FE 35mm f/1.4 ZA | 1/200s @ f/1.4, ISO 125

Outra técnica que Terry aplica às suas imagens é “uma boa separação, para o objeto se destacar do ambiente onde está inserido.” Consegue obter esse resultado de várias formas, seja através das lentes que escolhe, da iluminação do objeto ou da utilização de uma abertura ampla para desfocar o fundo e isolar o objeto.

terry donnelly, sony alpha 7RII, estátua de homem em ferro na costa à noite

© Terry Donnelly | Sony α7R II | 25s, ISO 50

“Considero que qualquer um destes valores permite compor uma boa imagem, mesmo com o objeto mais vulgar.”

Fotografar objetos variados permite-lhe produzir trabalhos sempre atuais e também transferir competências entre disciplinas. “É impossível não aplicar os conhecimentos adquiridos com um objeto noutro diferente”, explica Terry, “por isso, dou por mim a aplicar técnicas de fotografia de paisagem em trabalhos de arquitetura ou métodos de fotografia de interiores a trabalhos de retrato. Chego à conclusão que os mesmos valores fundamentais funcionam numa ampla gama de estilos.”

terry donnelly, sony alpha 9, ginasta em suspensão no ar com os olhos fechados

© Terry Donnelly | Sony α9 | FE 85mm f/1.4 GM | 1/2500s @ f/1.4, ISO 1000

Faz sentido afirmar que um fotógrafo que trabalhe com vários géneros necessita de uma câmara adaptável a qualquer situação. Para tal, Terry utiliza principalmente a estrutura da α9, embora também utilize uma α7R III se o cliente pretender usufruir de uma resolução mais elevada.

“A α9 tem tudo o que preciso e sinto que posso confiar completamente nela”, afirma. “Por exemplo, o modo Burst de 20 fps permite-me captar a expressão perfeita no rosto de um desportista e, como o sistema de AF mantém o objeto em movimento focado em todos os fotogramas, já não tenho de esperar que a melhor pose seja a que está nítida: ficam todas nítidas!” Poder confiar no excelente AF da α9 também permite a Terry fotografar com aberturas mais amplas e obter a separação do objeto que é tão caraterística de todo o seu trabalho.

terry donnelly, sony alpha 9, jogador de rugby a ser enfrentado pelo seu oponente

© Terry Donnelly | Sony α9 | FE 400mm f/2.8 GM OSS | 1/2000s @ f/2.8, ISO 320

Também se converteu num adepto do obturador silencioso da α9 e destaca, em particular, a possibilidade de fotografar jogadores de golfe quando utilizam o backswing, algo que simplesmente não é possível com uma DSLR, a menos que queira ser expulso do campo. “No que respeita ao desempenho de ISO, posso elevá-lo até valores mais altos do que nunca para obter as velocidades do obturador necessárias para a ação. Depois temos também a estabilização de imagem na estrutura que, no outro extremo da escala de velocidade do obturador, permite acrescentar facilmente efeitos de movimento como a panorâmica.”

terry donnelly, sony alpha 9, 3 jogadores de rugby envolvidos num tumulto

© Terry Donnelly | Sony α9 | FE 400mm f/2.8 GM OSS | 1/3200s @ f/2.8, ISO 320

Por fim, Terry afirma que o visor eletrónico e o ecrã traseiro da α9 tiveram um grande impacto na sua forma de trabalhar.

“Poder ver a imagem antes de a fotografar é absolutamente incrível, uma vez que me ajuda a trabalhar de forma mais rápida e intuitiva do que anteriormente e também me permite estabelecer uma melhor ligação com o objeto ou com o cliente com quem estou a trabalhar. Ao contrário do que acontecia quando utilizava câmaras DSLR, já não tenho de estar sempre a premir o botão de reprodução para garantir que tenho a exposição pretendida. Agora, basta-me olhar para o cliente ou para o objeto que estou a fotografar e manter essa ligação, que é o elemento principal da fotografia, qualquer que seja o objeto.”

Produtos referidos neste artigo

ILCE-9

Câmara sem espelho full-frame α9 com sensor CMOS empilhado

ILCE-9

ILCE-7RM2

α7R II com sensor de imagem full-frame com retroiluminação

ILCE-7RM2

SEL1224G

FE 12-24mm F4 G

SEL1224G

SEL35F14Z

Distagon T* FE 35 mm F1.4 ZA

SEL35F14Z

SEL85F14GM

FE 85mm F1.4 GM

SEL85F14GM

SEL400F28GM

FE 400 mm F2.8 GM OSS

SEL400F28GM

Terry Donnelly
Alpha Universe

Terry Donnelly

Reino Unido

Embora faça diferentes géneros de fotografia, consigo estabelecer pontes entre estilos, o que torna a minha obra mais forte. Sempre apreciei vários géneros de fotografia e acredito que devemos fotografar aquilo de que mais gostamos, pois é assim que crescemos.

Ver perfil


x