james glancy com a FX6 em conjunto com a sony 600mm f4 GM OSS

The Wilderness Nearby | Uma curta-metragem com a Sony FX6

James Glancy

O meu nome é James Glancy e sou um apresentador criador das suas próprias filmagens, bem como um conservacionista da vida selvagem. Há 7 anos, deixei o exército britânico e aventurei-me numa nova carreira na defesa do ambiente e na televisão. Apresentei e realizei programas para o Discovery Channel e a National Geographic, e produzi uma série ambiental para o Mail Plus no Reino Unido. Sou apaixonado pela vida selvagem, tanto na terra como no mar, e apesar de adorar trabalhar em produções sobre história natural, senti-me compelido a contar histórias visuais sobre os danos que têm vindo a ser causados no ambiente pela atividade humana e a dar voz àqueles que protegem o nosso planeta. Acabo de regressar do continente americano, onde estive a filmar um documentário sobre tubarões para a National Geographic.

The Wilderness Nearby

O ano de 2020 serviu como um lembrete do quão distantes do mundo natural muitos de nós nos tornámos. As restrições impostas ao nosso dia a dia permitiram a algumas pessoas descobrir a beleza da natureza que tantas vezes se encontra a escassos metros de casa. A importância da proteção da vida selvagem e do ambiente, sem os quais não poderíamos viver, fez-se notar. Queria fazer uma curta-metragem que celebrasse os formidáveis espaços selvagens que constituíram lugares de pausa e descanso para muitas pessoas no sul de Inglaterra durante a pandemia deste ano. Queria também que servisse de ilustração visual para o quão recompensador é cuidar dos espaços naturais que nos estão próximos.

james glancy com a sua FX6 montada numa árvore

Primeiras impressões ao filmar com a Sony FX6

O que mais gostei ao filmar com a Sony FX6 foi das capacidades de câmara lenta de 4K a 120 fps. É ideal para capturar momentos dramáticos durante filmagens da vida selvagem. Permite decompor movimentos dos animais e adicionar emoção aos conteúdos.

Outro requisito para os meus trabalhos de filmagem da vida selvagem tem a ver com o tamanho e o peso do meu equipamento, os quais devem ser o mais reduzidos possível, tendo em conta que tenho de filmar de vários ângulos, por vezes nas árvores a alturas elevadas ou ao nível do solo. A FX6 é uma câmara extremamente robusta e pequena. É por isso que é ideal para filmagens em movimento e é tão leve para uma câmara deste calibre. Quase temos a sensação de que estamos a abdicar de algo com um equipamento tão pequeno e, no entanto, obtemos uma qualidade de imagem incrível em todas as condições de luz graças ao sensor full-frame de 4K.

sony fx6 num tripé em conjunto com uma lente 24-70 GM

Outro aspeto que me agradou foi o design modular, que permite uma instalação rápida dos meus diferentes acessórios, como um estabilizador, um suporte para veículo ou um tripé. Na realização de filmagens da vida selvagem, não há segundas oportunidades ao capturar, pelo que esta caraterísticas é essencial para o meu estilo de filmagem. Para esta filmagem, utilizei uma variedade de lentes longas e amplas devido à natureza da vida selvagem. Para uma filmagem de animais selvagens bastante aproximada sem os perturbar, utilizei principalmente as lentes G Sony 70-200mm F2.8 GM, 600mm F4 GM e 200-600mm. Esta última confere bastante versatilidade ao extremo da teleobjetiva para reenquadrar rapidamente as capturas. Também utilizei lentes mais amplas, como a Sony 16-35mm F2.8 GM, para obter capturas mais contextuais para contar a história.

james glancy segura na fx6 com a sony 70-200mm f2.8 gm

Dicas de filmagem com a Sony FX6 e últimas observações

Em primeiro lugar, é para mim essencial utilizar as lentes nativas de montagem tipo E da Sony, pois estas permitem tirar o máximo partido das capacidades excecionais de autofocus da FX6. Apesar de continuar a filmar com uma combinação de lentes manuais e de autofocus nos meus trabalhos, considero o novo sistema de autofocus excelente para capturar a vida selvagem.

Os menus serão familiares para aqueles que já utilizaram a Sony FS7, apesar de a FX6 ter várias opções para armazenamento de funções predefinidas. Vale a pena dedicar algum tempo a configurar estas definições para filmagens em movimento, quando temos tempo limitado para preparar uma filmagem. Quanto aos acessórios, recomendo a inclusão de um estabilizador portátil, uma vez que a FX6 é pequena e leve. O seu design modular permite que seja facilmente montada numa variedade de estabilizadores do fabricante. Também incluiria um visor eletrónico no meu kit para fixar ao monitor da FX6. É fantástico que a FX6 se tenha juntado à gama Sony Alpha. Acredito que esta tornar-se-á numa das câmaras de eleição de realizadores de documentários, particularmente daqueles que contam histórias que se desenrolam a um ritmo rápido. À semelhança da FS7, é uma câmara resistente para ser utilizada em ambientes desafiantes, no entanto, é bem mais pequena e oferece uma qualidade de imagem muito superior.

Produtos incluídos

Inscreva-se para receber a sua newsletter α Universe

Parabéns! Subscreveu a newsletter α Universe com êxito

Introduza um endereço de e-mail válido

Lamentamos! Ocorreu um erro

Parabéns! Efetuou a subscrição com êxito