felino grande a correr através de arbustos no serengeti

Velocidade e agilidade

Chris Schmid

O meu nome é Chris Schmid e sou um fotógrafo suíço, Explorador da National Geographic, realizador e cinematógrafo especializado em história natural em locais remotos e em felinos grandes. O meu principal objetivo é sempre captar o centro da natureza para sensibilizar as pessoas da fragilidade do nosso planeta e inspirar ações de preservação.

Dedico-me à conservação da vida selvagem e trabalho com a WildAid, uma organização ambiental de São Francisco com o objetivo de reduzir a procura de produtos ilegais da vida selvagem. Em 2019, lancei a Stay·Wild, uma joalharia online, 50% dos lucros da qual são doados a organizações sem fins lucrativos para apoiar projetos de conservação da vida selvagem.

Foi um dos primeiros fotógrafos profissionais a testar a Sony Alpha 1. Quais foram as suas primeiras impressões e as funcionalidades que mais lhe chamaram a atenção?  

A primeira vez que ouvi falar nesta câmara, fiquei impressionado com a opção de captar a alta velocidade (até 30 fps) e alta resolução (50 MP), conseguindo o melhor de dois mundos. Com a Alpha 1, tenho finalmente uma câmara que faz tudo sem sacrificar um desses aspetos. Quando fotografo no exterior, não posso regressar ao meu veículo ou transportar duas câmaras em certas situações. É uma grande vantagem poder usar a mesma câmara em diferentes situações. Outra melhoria importante é o sistema de focagem automática. Já era bom na outra câmara, mas nesta, é incrivelmente rápido, especialmente o seguimento de AF de olhos para felinos grandes, muito melhor do que qualquer outro que já utilizei. As funcionalidades de vídeo parecem fantásticas, o que tabmém é importante para o meu trabalho em vídeo.

felino grande sentado numa rocha a observar

© Chris Schmid | Sony α1 + FE 70-200mm f/2.8 GM OSS | 1/800s @ f/4.5, ISO 500

Como pensa que estas melhorias técnicas ajudam o seu fluxo de trabalho e criatividade?

Ter velocidade e resolução na mesma câmara facilita a preparação de uma sessão fotográfica. Sei que com a Alpha 1, terei a velocidade para captar um momento único, mas também resolução suficiente para cortar a imagem, se necessário. Isso é muito importante para mim, especialmente durante as cenas de caça em que tudo acontece muito rápido e nunca sabemos que direção tomará. A gama dinâmica do sensor também é muito útil para manter o máximo de detalhe na imagem, mesmo em condições de luz difíceis. Um bom exemplo é o das imagens em retroiluminação. Adoro criar imagens retroiluminadas, com muito contraste, mas é necessária uma boa gama dinâmica para manter o detalhe nas áreas claras e de sombra e a Alpha 1 tem um desempenho admirável a esse respeito.

leoa caça entre a erva alta

© Chris Schmid | Sony α1 + FE 400mm f/2.8 GM OSS + 1.4x teleconverter | 1/640s @ f/4.0, ISO 1000

Que outras funcionalidades destacaria e em que cenário?

Tinha bastante curiosidade em testar o novo sistema de focagem automática, especialmente o AF de olhos de animais. Não fiquei totalmente convencido com a funcionalidade num teste anterior, mas, nesta câmara, fiquei estupefacto com as melhorias e agora confio totalmente nas suas capacidades. Por exemplo, já tive várias situações com um leão a atravessar a erva alta. Nas câmaras Alpha anteriores, a focagem automática detetava ligeiramente o animal e depois mudava para uma folha de erva na frente do animal. Com a Alpha 1, o AF é perfeitamente fixado nos olhos do animal e foi incrível vê-lo em ação.

leopardo numa rocha a mostrar os dentes

© Chris Schmid | Sony α1 + FE 400mm f/2.8 GM OSS + 1.4x teleconverter | 1/800s @ f/5.0, ISO 640

As lentes/acessórios são outra componente fundamental da fotografia e vídeo. Que lentes e acessórios utilizou no seu teste inicial e porquê?

Nesta captação, utilizei a Sony FE 400 mm f/2.8 GM. Creio que tiro 70% das minhas fotografias com esta lente. Por vezes, adicionei um conversor 1.4x para um alcance extra, mas não notei qualquer perda de nitidez ou velocidade de AF. Adoro a Sony 400 mm porque posso manter alguma distância em relação aos animais, sem perturbar o seu comportamento natural e também me permite incluir o ambiente nas imagens. Além desta lente, utilizei a FE 70-200 mm f/2.8 GM e a FE 100-400 mm f/4.5-5.6 GM. Estas duas lentes dão-me mais largura para poder incluir mais cenário ambiente. Também utilizei uma FE 16-35 mm f/2.8 GM. Diria que menos de 5% das minhas fotografias são tiradas com uma lente grande angular, mas, por vezes, preciso mesmo dela e o efeito é fantástico.

leopardo bebé caminha entre a erva alta

© Chris Schmid | Sony α1 + FE 400mm f/2.8 GM OSS + 1.4x teleconverter | 1/1000s @ f/4.0, ISO 640

Que conselho daria aos aspirantes a fotógrafos que querem seguir as suas pisadas?  

Se tivesse de escolher uma só sugestão, seria a de pensarem antes de dispararem. Pensem no que querem criar e obter com aquilo que têm à sua frente. Sejam seletivos com o seu trabalho e, se não sentirem a emoção, o melhor é guardarem o momento só para si. Não criem fotografias apenas porque são belas, mas sim porque transmitem uma mensagem e uma emoção que desejam partilhar. ⁠

um grupo de jovens leões sentados numa rocha

© Chris Schmid | Sony α1 + FE 400mm f/2.8 GM OSS + 1.4x teleconverter | 1/640s @ f/5.0, ISO 1250

Algumas palavras finais de agradecimento ou conselho para os nossos leitores?

Sejam únicos, desenvolvam um estilo e visão pessoal do mundo. Cada um tem a sua visão do mundo e a fotografia tem de ser uma representação dessa visão e não a de outra pessoa.

Produtos incluídos

Chris Schmid

Chris Schmid | Switzerland

“As imagens são poderosas. Uma imagem pode captar uma emoção ou despertar um sentimento.”

Artigos relacionados

Inscreva-se para receber a sua newsletter α Universe

Parabéns! Subscreveu a newsletter α Universe com êxito

Introduza um endereço de e-mail válido

Lamentamos! Ocorreu um erro

Parabéns! Efetuou a subscrição com êxito