grande plano de dois pássaros

A natureza. Em grande plano.

Gustav Kiburg e Alexander Heinrichs

Grandes fotografias, câmara pequenas

A Sony RX10 IV oferece a versatilidade de uma câmara de lentes amovíveis grande numa estrutura compacta de fácil utilização para o fotógrafo de vida selvagem. Com uma lente super-teleobjetiva de resolução elevada de 600 mm, a câmara tem a capacidade para captar imagens em grande plano facilmente.

Os fotógrafos Gustav Kiburg e Alexander Heinrichs contam-nos como a flexibilidade da Sony RX10 IV lhes permite tirar fotografias incríveis da vida selvagem, sem comprometer a qualidade de imagem. Para o fotógrafo de vida selvagem Gustav Kiburg, a fotografia é um escape do frenesim do dia a dia. Contudo, gosta de incluir a beleza do mundo em que vivemos. Não apenas de animais em paragens exóticas, mas também dos que existem no nosso quintal e na vizinhança.

gustav kiburg sony rx10 IV esquilo vermelho

© Gustav Kiburg | Sony RX10 IV | 1/100s @ f/4, ISO 400

Em contraste, o fotógrafo Alexander Heinrichs está sempre a contar histórias com as suas imagens, quer seja uma sessão fotográfica de moda ou de publicidade, ou a captar a vida selvagem nas planícies africanas.

"Procuro aqueles momentos especiais. Após algum tempo, começamos a prever o que os animais vão fazer. Não estou constantemente a fotografar, prefiro esperar pelo momento certo para tirar a fotografia. Cada imagem é como se fosse uma pequena obra de arte. Estou a mostrar a imagem de uma forma que me é apelativa segundo o meu estilo próprio."
alexander heinrichs sony rx IV pelicano a pousar

© Alexander Heinrichs | Sony RX10 IV | 1/3200s @ f/2.8, ISO 100

Alexander Heinrichs espera por um momento especial, tal como esta fotografia tirada no momento certo de um pelicano prestes a pousar, que foi captada com a RX10 IV.

"Se estiver a viajar pelo deserto africano com um calor de 45 graus, vai prestar especial atenção a todos os quilos que tiver de transportar. Por este motivo, deixei muitas vezes o meu equipamento de câmara mais volumoso em casa e fotografei apenas com a RX10 IV".
alexander heinrichs sony rx10 IV lagarto na namíbia

© Alexander Heinrichs | Sony RX10 IV | 1/1600s @ f/4.5, ISO 100

A versatilidade da lente da RX10 IV significa que tanto pode tirar fotografias em grande plano como pode tirar fotografias com a respetiva teleobjetiva longa. Esta imagem de um camaleão de Heinrichs foi captada ao utilizar na perfeição uma frequência de captação de 24 fps para registar o momento exato em que o camaleão apanhou o inseto com a sua língua. 

Entretanto, as condições atmosféricas eram exatamente o oposto para Gustav Kiburg:

"Estava na Noruega para fotografar orcas com a RX10 IV. Estive lá durante três dias. Estavam 20 graus abaixo de zero e eu estava a fotografar orcas a partir de um pequeno barco insuflável rígido. Havia ondas grandes e a câmara levava com um banho de água salgada algumas vezes por dia, mas continua a funcionar na perfeição."
gustav kiburg sony rx10IV orca na noruega

© Gustav Kiburg | Sony RX10 IV | 1/1600s @ f/5, ISO 800

Gustav também conseguiu captar grandes planos extremos de pássaros, apesar de estar sentado a uma distância razoável dos seus objetos, graças à lente de zoom potente de 24-600 mm.

gustav kiburg sony rx10IV grande plano de um pássaro com teleobjetiva

© Gustav Kiburg | Sony RX10 IV | 1/2500s @ f/6.3, ISO 400

Ambos os fotógrafos estão mais habituados a utilizar câmaras de lentes amovíveis, mas a RX10 IV oferece muitas das funcionalidades a que estão habituados, num formato mais pequeno. Na Namíbia, Heinrichs tirou o máximo partido da gama de zoom enorme da câmara.

"Apenas tinha a RX10 IV comigo, pois é mais fácil de manusear e é mais rápida. Por exemplo, fotografei um elefante que estava a aproximar-se imenso do nosso automóvel e se tivesse de mudar de lente na minha câmara de grandes dimensões, iria demorar demasiado tempo e teria perdido a oportunidade de fotografar. Em vez disso, diminuí o zoom e consegui."
alexander heinrichs sony rxIV elefantes na namíbia

© Alexander Heinrichs | Sony RX10 IV | 1/1600s @ f/4.0, ISO 100

Na Noruega, Gustav estava a passar por uma situação semelhante:

"A RX10 IV pesa 1 kg e, graças à estabilização ótica de 4,5 incrementos, não precisa de utilizar um tripé nem um monopé. Pode segurar na câmara durante mais tempo, o que lhe permite reagir mais rapidamente. Quando existem muitas aves marinhas a voar por todo o lado ou quando estou à espera que uma baleia venha à superfície, posso estar a fotografar numa direção, reparar que algo está a acontecer na outra direção e conseguir reagir, ao virar e disparar rapidamente. O sistema de autofocus é tão rápido que consegue responder rapidamente".
gustav kiburg sony rx10IV ganso-patola na noruega

© Gustav Kiburg | Sony RX10 IV | 1/2500s @ f/5.6, ISO 400

Gustav prefere fotografar com o céu encoberto devido à luz suave que produz, tal como nesta fotografia de um ganso-patola. Mesmo com as condições de pouca luz, o sistema de autofocus da RX10 IV e a lente longa conseguem captar esta imagem excelente. Gustav resume os motivos pelos quais a RX10 IV é uma câmara excelente para todas as ocasiões:

"É indicada para as pessoas que querem divertir-se no exterior, mas que não querem um saco pesado carregado de lentes. Oferece uma solução completa, que é excelente em condições de pouca luz, um autofocus estável e um seguimento tão preciso que consegue fotografar pássaros a voar. Em combinação com a capacidade de captar imagens macro, possui todos os aspetos essenciais que as pessoas querem numa câmara."

 As melhores sugestões para a fotografia da vida selvagem 

Produtos incluídos

Gustav Kiburg

Gustav Kiburg | Netherlands

"O mau tempo é um excelente tempo a nível de cores"

Inscreva-se para receber a sua newsletter α Universe

Parabéns! Subscreveu a newsletter α Universe com êxito

Introduza um endereço de e-mail válido

Lamentamos! Ocorreu um erro

Parabéns! Efetuou a subscrição com êxito